Indústrias de Mogi das Cruzes sofrem com reflexos deixados pelas enchentes no Rio Grande do Sul

  • 10/06/2024
(Foto: Reprodução)
Diretor-executivo da Agência de Fomento Empresarial (AGFE), Claudio Costa, relata que o impacto foi significativo, mas ainda é difícil monetizar o tamanho do prejuízo. Indústrias do Alto Tietê sentem reflexos das enchentes no Rio Grande do Sul As empresas de Mogi das Cruzes estão sentindo os reflexos das enchentes que tomaram o Rio Grande do Sul no último mês. O desastre no RS deve pesar sobre a atividade econômica brasileira a partir do 2º trimestre, segundo analistas ouvidos pelo g1. ✅ Clique para seguir o canal do g1 Mogi das Cruzes e Suzano no WhatsApp O diretor-executivo da Agência de Fomento Empresarial (AGFE), Claudio Costa, relata que o impacto foi significativo, mas ainda é difícil monetizar o tamanho do prejuízo. "Nós temos grandes empresas na cidade, que - de alguma forma - são ligadas ao Rio Grande do Sul. [Empresas de] tratores agrícolas, siderurgia, logística, locadoras de veículos. De maneira geral, todas elas tiveram um reflexo", afirma. LEIA TAMBÉM: ECONOMIA: Desastre no RS deve pesar sobre atividade econômica brasileira a partir do 2° trimestre, com impactos no agro e nas indústrias LINHA DO TEMPO: A cronologia da tragédia no Rio Grande do Sul CAMPANHA: Doações arrecadadas pela TV Diário seguem para o Rio Grande do Sul Indústrias de Mogi das Cruzes sofrem com reflexos deixados pelas enchentes no Rio Grande do Sul Reprodução/TV Diário Neste momento, além da preocupação com os colegas do Rio Grande do Sul, os profissionais do Alto Tietê precisam lutar contra a insegurança. "Estamos esperando que os companheiros de Canoas se recuperem quanto antes, porque sabemos da responsabilidade da empresa e queremos manter nossos empregos", conta Thiago Santos Castro, que é operador de teste de motores em uma fábrica de maquinários agrícolas. "Vamos tirar férias coletivas, depois o cenário será reavaliado e a gente espera que a fábrica no RS esteja restabelecida para que todos possam voltar aos postos de trabalho. Vamos viver um momento por vez". Segundo o assessor do Sindicato dos Metalúrgicos, Ewerton Vitor, outra empresa da cidade também foi bem afetada pelo desastre que aconteceu no estado gaúcho. "A empresa tem uma unidade no RS e tem peça que sai de lá para ser finalizada em Mogi e, também, tem peça que sai de Mogi para ser finalizada no Rio Grande do Sul. Essa tragédia impactou bastante o processo deles", lamenta. Assista a mais notícias sobre o Alto Tietê

FONTE: https://g1.globo.com/sp/mogi-das-cruzes-suzano/noticia/2024/06/10/industrias-de-mogi-das-cruzes-sofrem-com-reflexos-deixados-pelas-enchentes-no-rio-grande-do-sul.ghtml


#Compartilhe

Aplicativos


Locutor no Ar

Peça Sua Música

No momento todos os nossos apresentadores estão offline, tente novamente mais tarde, obrigado!

Anunciantes